Sinopse: Uma garrafa jogada no oceano pode passar centenas de anos viajando ao sabor das ondas sem nunca parar em terra firme. Porém, certa vez, o destino quis que uma em especial chegasse à costa algumas semanas depois de ter sido lançada ao mar. 
         Theresa Osborne, uma colunista de um jornal de Boston divorciada e mãe de um menino de 12 anos, a encontra durante suas férias no litoral. Dentro do recipiente, há uma linda carta apaixonada.
           Para Garret, o remetente, a mensagem é o único modo de expressar seu amor eterno pela mulher que perdeu. Para Theresa, descrente desse sentimento desde que o marido traiu sua confiança, o texto levanta questões que a intrigam.
            Movida pelo caráter misterioso da situação, ela empreende uma longa pesquisa e descobre não só a identidade completa de Garret, mas também onde ele mora, e resolve ir atrás dele.
            Quando os dois se conhecem, imediatamente nascem um interesse e uma afinidade mútuos, que podem ser a chance de que ambos precisavam para se libertar do passado e reencontrar a felicidade.



Uma carta de amor fala da dilacerante fragilidade das relações e, ao mesmo tempo, de seu imenso poder. É uma história sobre esperança, superação, desejo e as escolhas que mais importam na vida.


Autor: Nicholas Sparks

Editora: Arqueiro ( twitter e facebook. )

Número de páginas: 278

 

Resenha:  

"Há três anos, a colunista Theresa Osborne se divorciou do marido após ter sido traída por ele. Desde então, não acredita no amor e não se envolveu seriamente com ninguém. Convencida pela chefe de que precisa de um tempo para si, resolve passar férias em Cape Cod. Durante uma semana de folga, depois de terminar sua corrida matinal na praia, Theresa encontra uma garrafada arrolhada com uma folha de de papel enrolada dentro (...)

Theresa mal sabia, mas essa mensagem na garrafa mudaria a sua vida, ao abri-la ela descobre uma linda mensagem de amor, escrita por Garret, o qual tinha colocado tanto sentimento em suas palavras o que fez com que Theresa se sensibilizasse com ele.

A mensagem era mais ou menos assim: "Minha adorada Catherine, sinto a sua falta, queria, como sempre, mas hoje está sendo especialmente difícil porque o oceano tem cantado pra mim, e a canção é a da nossa vida juntos"

Theresa então sente a enorme vontade de conhecer esse homem. Sendo assim, ela conta o ocorrido à sua chefe, e esta a dá total apoio. Ela faz várias pesquisas, ao decorrer disso se depara com mais duas cartas, tais, tão emocionantes como a primeira, e ao analisá-las profundamente e com várias pesquisas, descobre um local, uma cidade litorânea de Carolina do Norte.




Tem quem goste dos livros de Nicholas Sparks, e tem quem não seja muito chegado, eu sou meio termo, não amo mas também não chego odiar. E pra quem já está acostumado com as narrativas, enredo e o próprio clímax dos livros do titio Nich, aposto que não irá se surpreender com este livro, mas com certeza é uma leitura válida, e pra quem não o conhece, eu o indico, com toda a certeza

A narrativa é super gostosa, escrita em terceira pessoa e com muitos diálogos entre Theresa e Garret, inicialmente eu achei a história fraca, quem se apaixona deliberadamente por uma carta e pensa "Ah! vou conhecer o homem que escreveu esta carta!" só Theresa mesmo, ou seja, achei uma história bem diferente das quais já li. Uma Carta de Amor, envolve muita paixão, acontecimentos inesperados e algumas cenas... (se é que me entendem, ) mas nada "Óh! meu Deus!". Nicholas Sparks consegue ganhar o leitor com sua narrativa envolvente, e paramos de achar a história clichê e começamos a vê-la com outros olhos, os fatos se conectam de um modo incrível, a narrativa apesar de ser linear, tem alguns flashbacks por parte de Garret, quando ele lembra de Catherine, sua esposa amada, e isso vai deixando um clima meio tenso na história, será realmente que Garret está pronto para amar novamente?

Desde o momento em que você pega o livro, e começa a lê-lo você já tem certeza absoluta do final dele (Isso é só lendo pra saber, viu? hahah), mas ele te surpreende, ou pelo menos conseguiu me surpreender, e já vou logo avisando, pode pegar os lencinhos, pois o que eu não chorei lendo ACÉDE (todos falam que choraram rios) eu chorei lendo Uma Carta de Amor 


"Unidos pelo acaso, Theresa e Garret estão prestes a viver uma história comovente que reflete nossa profunda esperança de encontrar alguém e sermos felizes para sempre."

O livro é repleto de quotes lindas, vou deixar algumas aqui só para vocês ficarem com um gostinho de quero mais! ♥

" - Se gosta dela, se ela o faz feliz, e se você sente que a conhece... então não deixe que ela vá embora."

_____________________________________________________________________________

" - Como é que você sempre sabe exatamente o que dizer para me agradar?

- Talvez seja porque você desperta o melhor em mim."

_____________________________________________________________________________

"- Mas eu te amo.

Ela sorriu. Soltou a mão dele e acariciou-lhe o rosto com ternura.

- Eu também te amo, Garret. Mas às vezes só amor não é suficiente.

 

Então é isso... e a classificação final de Uma Carta de Amor é... (tcham tcham tcharãm!)


Classificação final:

★★★★
Muito bom!
 
 
Depois me contem o que acharam do livro (se já o leram) ou o que acham do titio Nich, ou até mesmo se curtiram a resenha. Um abraço à vocês! até a próxima! 


6 Comentários

  1. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  2. Nunca li nenhum livro do Nicholas Sparks Garotas de Mustache

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Esse foi o terceiro livro dele que eu li, e eu gostei bastante, se você é do tipo de garota que gosta de romances meio clichês, mas ao mesmo tempo intensos, suuper recomendo! ♥

      Excluir
  3. Camila, meu comentário ficou cortado as duas vezes que postei </3 Desculpa jdhdjsfhkdhf

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ai! imagina! husahsuhaush faz parte! ;)

      Excluir
  4. Uma Carta de Amor foi o primeiro - e único - livro do Sparks que eu li. Achei lindo, maravilhoso, já resenhei ele no blog também. Na época eu nem sabia que o livro era raríssimo, foi antes da Arqueiro relançá-lo. Acho que se eu soubesse disso antes eu tinha gentilmente adotado ele pra mim. hahahah

    rilassare la mente

    ResponderExcluir